O que aconteceu com a Teoria? Humanidades, política e filosofia (1970-2010)

LavraPalavra

balibar

Por Étienne Balibar, traduzido por Daniel Fabre, via Crisis and Critique

  

No presente artigo, o filosofo francês Etienne Balibar aborda os rumos que o trabalho teórico tomou nos últimos anos, problematizando a “crise” das “humanidades” e das ciências sociais e apontando os rumos de uma nova abordagem epistemológica. “Uma teoria que tenta ao mesmo tempo se apoiar nos dois requisitos de cientificidade e engajamento crítico não pode ser apenas a ciência de um objeto, ou de um domínio de objetividade desdobrada entre a generalidade formal das leis causais e a singularidade dos “casos” ou figuras de individualidade, mas precisa também se tornar uma prática de problematização, que ocorre apenas sobre a base de diferenciais de visibilidade e invisibilidade, sujeição e revolta, a normalização e subjetivação inscrita nas situações e relações de força.”

 

As questões a serem discutidas aqui coincidem com meus primeiros interesses, mas acredito que possa assegurar…

Ver o post original 5.117 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s